O OLHAR DA PSICOLOGIA SOBRE OS MOTORISTAS USUÁRIOS DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS I Simpósio Científico De Práticas Em Psicologia

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Patrícia Ramos Delza Mende

Resumo

Trânsito não é apenas uma questão que exige técnicas para condução ou praticas mecânicas, mas um sistema no qual as pessoas interagem, depositando desejos de ir e vir com segurança. O comportamento inadequado dos condutores de veículos, principalmente quando associados ao uso de substâncias psicoativas é considerado um fator contribuinte para a ocorrência de acidentes. O objetivo do presente estudo foi analisar a contribuição do psicólogo no contexto do trânsito diante do uso de substâncias psicoativas sobre o comportamento humano apontando questões legais de controle do uso dessas substâncias. Portanto, os efeitos do uso das substâncias psicoativas que se submetem os motoristas expõe a situações de risco no trânsito.impedindo de realizar uma direção considerada segura, levando um grande perigo as estradas

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
Ramos, P., & Mende, D. (2016, novembro 1). O OLHAR DA PSICOLOGIA SOBRE OS MOTORISTAS USUÁRIOS DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS. Psicologia E Saúde Em Debate, 2(Supl. 1), 27-28. https://doi.org/https://doi.org/10.22289/2446-922X.V2S1A9
Seção
Artigo original