CAMINHOS DA PROMOÇÃO DE SAÚDE: UM RESGATE HITÓRICO E COMPREENSIVO, POR MEIO DA REVISÃO INTEGRATIVA DA LITERATURA

Autores

  • Eliana Maria da Rocha
  • Gilmar Antoniassi Junior
  • Glória Lúcia Alves Figueiredo

Palavras-chave:

Ambientes, Planejamentos e ações, Sistema de Saúde, Promoção de Saúde

Resumo

Introdução: O conceito de promoção de saúde vem sendo discutido ao longo dos tempos, bem como os fatores que contribuam diretamente na sua melhoria, ou que acabam por ser agravantes negativos na saúde. A saúde deixa de ser somente ausência de doenças e passa a ter perspectivas que contemple, o equilíbrio do bem-estar físico, mental, social e ambiental. Tal equilíbrio, provém do modo e estilo de vida, bem como as condições culturais, sociais e econômicas em que as pessoas estão inseridas de maneira que se pense estrategicamente. Objetivo: O estudo tem como objetivo discutir as questões promotoras de saúde a partir do resgate histórico e compreensivo, por meio de uma revisão integrativa da literatura.   Metodologia: O estudo é de natureza descritiva e exploratória, do tipo qualitativo de revisão integrativa da literatura. As etapas percorridas para a elaboração da presente revisão deram-se pela definição da questão norteadora e objetivos da pesquisa: Como o Brasil tem se esforçado para conduzir os estudos em relação a promoção de saúde? Tendo o foco norteador em levantar as produções científicas no Brasil nos últimos 20 anos, aos quais reproduzam a temática de promoção de saúde. Foram levantados 250 artigos, restringindo-se a 38 e resultante em 20 selecionados para o estudo. Considerações: No Brasil, devido a suas grandes diferenças culturais e sociais, ainda há um longo caminho a percorrer. Para uma saúde plena é necessário educar o sujeito, de maneira que ele passe a colaborar ativamente no processo de saúde e bem-estar. De maneira que o sujeito não seja só um paciente, que o médico vá além da prescrição de medicamentos e cura, que as instituições que formam os profissionais de saúde tenham um propósito de aguçar o interesse dos alunos em se preocupar com ações dentro da nossa realidade, que vão colaborar com a saúde e o que causa a sua ausência. Conclui-se que, saúde é para todos, num país em que ainda existem muitos obstáculos a serem vencidos, mas que é possível, desde que cada um desempenhando o seu papel, possa colaborar com responsabilidade e eficácia. Também a população deve se interessar e procurar tanto seus direitos quanto seus deveres, pois também são colaboradores da saúde individual e coletiva.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

-

Downloads

Publicado

2018-12-07

Como Citar

Rocha, E. M. da, Junior, G. A., & Figueiredo, G. L. A. (2018). CAMINHOS DA PROMOÇÃO DE SAÚDE: UM RESGATE HITÓRICO E COMPREENSIVO, POR MEIO DA REVISÃO INTEGRATIVA DA LITERATURA. Psicologia E Saúde Em Debate, 4(Suppl1), 4–4. Recuperado de https://psicodebate.dpgpsifpm.com.br/index.php/periodico/article/view/348

Edição

Seção

Anais