A INDICAÇÃO DO BOTOX NA HARMONIZAÇÃO FACIAL NA ODONTOLOGIA

Autores

  • Gabriel Gonçalves Magalhães
  • Thaynna Alves Dias Teodoro
  • Cláudia Maria de Oliveira Andrade
  • Lia Dietrich

Palavras-chave:

Ácido Hialurônico, linhas de expressão, Toxina Botulínica

Resumo

Introdução: O uso do Ácido Hialurônico e da Toxina Botulínica está em constante aumento e sua procura continua aumentando anualmente. A procura por esses em procedimentos estéticos é para a obtenção de resultados naturais com a suavização de rugas de expressão e alterações físicas do envelhecimento. Objetivo: O presente trabalho teve como objetivo ampliar e esclarecer o conhecimento sobre o uso do ácido hialurônico e da toxina botulínica no trabalho do cirurgião dentista na odontologia em forma de revisão de literatura com base no LILACS e PubMed. Metodologia: O uso do ácido hialurônico e principal escolha entre alguns profissionais por ser moldável, seguro, produzir resultados imediatos e duradouros, porém não permanentes. A Toxina Botulínica é uma neurotoxina produzida pela bactéria Clostridium botulinum, normalmente encontrada em plantas, no solo, na água e no trato intestinal de animas; Usada com mais frequência para combater às linhas de expressão, no tratamento de desordens de espascidade, estrabismo, nistagmo e blefaroespasmo. O chamado ângulo da beleza surgiu a partir da avaliação da geometria do contorno facial de pessoas consideradas belas. Esse ângulo é formado pelo cruzamento de um traçado paralelo a linha média e o ponto de interseção de dois outros traçados ao longo do corpo mandibular e da projeção do ramo ascendente da mandíbula. As alterações físicas do envelhecimento são complexas e ocorrem não apenas na pele, com atrofia, perda da elasticidade e aparecimento de manchas e rugas, mas também nas partes moles e nos ossos, em que reabsorção e/ou deslocamento ajudam a completar as características típicas do avanço da idade. O cirurgião dentista trabalha em áreas especificas como o terço superior da face que compreende a área localizada entre de implantação dos cabelos ou, em pacientes calvos, a extensão do músculo frontal (limite superior), as sobrancelhas e o dorso nasal (limite inferior) e as têmporas (limites laterais). Considerações: O presente trabalho explorou as diversas utilidades do ácido hialurônico e da toxina botulínica no trabalho estético na odontologia esclarecendo que procedimento pode ser em longo prazo, não permanente combatendo marcas profundas de expressão (rugas) e alterações físicas do tempo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

-

Downloads

Publicado

2018-12-11

Como Citar

Magalhães, G. G., Teodoro, T. A. D., Andrade, C. M. de O., & Dietrich, L. (2018). A INDICAÇÃO DO BOTOX NA HARMONIZAÇÃO FACIAL NA ODONTOLOGIA. Psicologia E Saúde Em Debate, 4(Suppl1), 38–38. Recuperado de https://psicodebate.dpgpsifpm.com.br/index.php/periodico/article/view/384

Edição

Seção

Anais