A RELEVÂNCIA DA ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA NA ATENÇÃO PRIMÁRIA

Autores

  • Karinna Ribeiro dos Reis
  • Fernanda Gonçalves da Silva

Palavras-chave:

Atenção Farmacêutica, NASF, PSF, Saúde Pública, SUS

Resumo

Introdução: O Brasil vem sofrendo, desde a criação do SUS- Sistema único de saúde, mudanças significativas no seu modelo de saúde. A inclusão de outros profissionais na atenção básica como o farmacêutico se faz cada vez mais necessária devido ao aumento da expectativa de vida e à mudança no perfil epidemiológico no país, que acabou mudando as necessidades do sistema de saúde, assim exigindo outros profissionais com diversas competências para desempenharem com maior qualidade as práticas de saúde na atenção primária, torna-se importante ressaltar que o atual cenário pode se apresentar como um importante campo de atuação para esse profissional; entretanto, se faz necessário estudar as vantagens de sua inserção profissional na Atenção Básica, bem como, analisar os aspectos significativos para a equipe e para os usuários. Objetivos: Os objetivos desse trabalho foram reconhecer as formas de atuação do farmacêutico no NASF e suas funções; conceituar o PSF e NASF; citar as funções do farmacêutico na atenção básica; citar a importância do farmacêutico na equipe multidisciplinar. Metodologia: A pesquisa aconteceu através de revisão bibliográfica com abordagem descritiva e qualitativa. A busca foi extraída principalmente por artigos científicos, monografias, dissertações, revistas e manuais do ministério da saúde que discorrem sobre o tema proposto. Considerações: Observou-se que a atuação farmacêutica é de grande relevância, sua prática ocorre não só no âmbito gerencial como também no administrativo, em ações voltadas para os pacientes no que diz respeito à dispensação e orientação de medicamentos, e ações de informações em relação aos medicamentos, o auxílio na terapêutica e a contribuição para um tratamento medicamentoso seguro e eficaz para a equipe multidisciplinar que também faz parte da atenção primária. Neste sentido, essa pesquisa assume relevância ímpar, pois com a implantação da assistência farmacêutica, além da informação mais detalhada ao paciente sobre uso correto do medicamento a gestão também diminui gastos futuros.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

-

Downloads

Publicado

2018-12-11

Como Citar

Reis, K. R. dos, & Silva, F. G. da. (2018). A RELEVÂNCIA DA ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA NA ATENÇÃO PRIMÁRIA. Psicologia E Saúde Em Debate, 4(Suppl1), 40–40. Recuperado de https://psicodebate.dpgpsifpm.com.br/index.php/periodico/article/view/386

Edição

Seção

Anais