O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  • Se está enviando seu TCC, monografia, dissertação ou tese para publicação, tenha certeza que o mesmo está nas normas da revista. Retire todas as páginas que não fazem parte do artigo (capa, contra-capa, agradecimentos, etc.).
  • Se está enviando as correções de um artigo já submetido, não crie uma nova submissão! Entre no seu painel de controle do site e envie o arquivo corrigido dentro da mesma submissão. Para isso, entre na sua submissão e dentro do campo "Avaliações" clicar em "Enviar arquivo".
  • Atenção ao cadastrar os autores. Todos os autores devem ser cadastrados corretamente, com nome, filiação e endereço para correspondência. Uma vez submetido o artigo, não será possível cadastrar autores adicionais.
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  • O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF.
  • O DOI das referências foram informados quando possível, ou a URL de acesso das mesmas.
  • O texto está em espaço simples; usa uma fonte de 12-pontos; emprega itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL); as figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento na forma de anexos.
  • Existe pelo menos 2 citações da Revista Psicologia e Saúde no manuscrito, ou então estou enviando uma carta aos editores explicando o motivo pelo qual não cumpro essa prerrogativa.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na página Sobre a Revista.
  • Estou incluindo o comprovante de depósito da taxa para atribuição do DOI, conforme explicitado nas diretrizes para os autores, ou me comprometo a realizar o depósito assim que houver um parecer positivo para o artigo. Estou ciente que caso não seja feito o depósito o meu artigo será desconsiderado a prior da publicação.

1 Apresentação


O autor encarregado das correspondências deve ser claramente definido. Os manuscritos devem ser preparados de acordo com o padrão de estilo indicado abaixo. Os editores reservam-se ao direito de ajustar o estilo, caso os ajustes sejam pequenos, para manter o padrão de uniformidade. Em caso da necessidade de ajustes complexos o manuscrito será devolvido aos autores para as devidas correções.


A contribuição deve ser original e inédita, e não estar sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor". Toda submissão deve estar de acordo com as diretrizes  básicas para a integridade na atividade científica publicado pelo CNPq: leia aqui.


 


 2 Escopo para Submissão em Categorias


- Obrigatoriamente as submissões devem conter em sua temática uma articulação com o campo da Psicologia e suas áreas afins. 


O artigo deve se encaixar em uma das seguintes seções:



  • Estudo Teórico: Discussão de temas e problemas fundamentados teoricamente, envolvendo reflexão crítica e indicação avanços científicos no estado da arte a ele associado. É necessário conter: resumo, introdução, método, resultados, discussão e conclusão ou considerações finais e referências. Devem ser escritos entre 20 e 25 laudas, não considerando resumos e referências;

  • Relato de Caso e/ou Experiência: Relatos de experiência relacionados à intervenção profissional, de interesse e relevância científica e social para as diferentes áreas do conhecimento psicológico, e que demonstrem contribuições para a melhoria de práticas profissionais em Psicologia. É necessário conter: resumo, introdução, método, resultados, discussão e conclusão ou considerações finais e referências. Devem ser escritos entre 15 e 20 laudas, não considerando resumos e referências;

  • Artigo Original: Investigação original, de relevância científica, baseadas em estado da arte e dados empíricos, observando os fatos e fenômenos exatamente como ocorrem no real, à coleta de dados referentes aos mesmos e, finalmente, à análise e interpretação desses dados, com base numa fundamentação teórica consistente, objetivando compreender e explicar o problema pesquisado. É importante que seja explicitada a contribuição da pesquisa para a produção do conhecimento em Psicologia. É necessário conter: introdução, método, resultados, discussão e conclusão ou considerações finais. Devem ser escritos entre 20 e 25 laudas, não considerando resumos e referências;

  • Resenhas: Apresente a síntese e crítica sobre o trabalho científico já, devendo tomar por 4 a 10 laudas e referências;


 


3 Preparação De Manuscritos


Um artigo original deve conter os seguintes itens:



  • Página Título



  1. Título com no máximo 3 linhas ou 16 palavras.

  2. Nome completo dos autores - apenas aqueles com participação substancial na condução da pesquisa e edição do manuscrito. O número aconselhado de autores é de 6 (seis) autores embora em casos especiais poderá ser aceito artigos com número de autores superior a esse. O corpo editorial reserva o direito de requisitar a redução do número de autores.

  3. Afiliação institucional de cada autor, referenciada a cada autor pelo uso de número em sobrescrito.

  4. Nome do autor para correspondência, endereço, telefone e e-mail (indicar também um e-mail alternativo).



  • Resumo



  1. Limitado em 275 palavras, incluindo números, abreviações e símbolos.

  2. O resumo deve ser estruturado em: objetivos, método, resultados e conclusão (mas não deve ser dividido em seções).

  3. Não é permitido o uso de citações no resumo.

  4. É também requerido, um resumo em Inglês (Abstract). Recomenda-se um tradutor especializado, pois a má qualidade do Abstract pode provocar a recusa do artigo.



  • Palavras-chave



  1. Três (3) a seis (6) palavras-chave devem ser incluídas após o resumo.

  2. Sugerimos fortemente que as palavras chaves escolhidas sejam integrantes da lista de Descritores em Ciências da Saúde (DeCS), elaborada pela BIREME (http://decs.bvs.br), ou dos 'Medical Subject Headings' (http://www.nlm.nih.gov/mesh/meshhome.html), elaborada pela National Library of Medicine.

  3. Não repetir termos ou palavras contidos no título.



  • Introdução



  1. Apresentar um referencial teórico adequado e atual que sustente os objetivos e hipóteses do estudo.

  2. Apresentar, de maneira clara, os objetivos e hipóteses do estudo.



  • Método (Para o caso de artigos originais)



  1. Apresentar o delineamento experimental.

  2. Apresentar informações sobre os sujeitos.

  3. Identificar os métodos, equipamentos e procedimentos utilizados de forma a permitir a reprodução dos resultados por pares.

  4. Apresentar referências para os métodos e procedimentos estatísticos utilizados.



  • Resultados



  1. Apresentar os resultados do estudo em forma de texto, tabelas e/ou figuras (ver normas abaixo).

  2. Não duplicar os dados expostos em texto nas tabelas/figuras.



  • Discussão (Pode vir em um item só junto com os resultados)



  1. Enfatizar a originalidade e relevância do estudo, sem repetir as informações apresentadas anteriormente.

  2. Contextualizar a significância dos achados em perspectiva com outras observações já publicadas.

  3. Limitar as conclusões a apenas aquelas que possam ser sustentadas pelos resultados do estudo.



  • Agradecimentos



  1. Somente para identificar fontes de financiamento e auxílios recebidos para a elaboração do trabalho.

  2. Identificar possíveis colaboradores no estudo.



  • Figuras e tabelas


Fotografias nítidas, gráficos e tabelas em preto e branco (estritamente indispensáveis à clareza do texto). Caso as ilustrações incorporadas ao artigo já tiverem sido publicadas, o autor deverá mencionar a fonte.


A Revista Psicologia e Saúde em Debate aceita apenas figuras em formato eletrônico. As figuras devem ser apresentadas em documentos separados do manuscrito e são requeridas legendas para cada uma das figuras submetidas junto com o manuscrito.



  1. Instruções para edição de figuras:


    • A legenda da figura deve ser colocada embaixo da figura, ser precedida pela palavra Figura (a qual deve estar em negrito, com a inicial maiúscula, acompanhada do número que a designa e um ponto final). Ex.: Figura 1.; Figura 2.; etc. Depois da descrição, quaisquer outras informações necessárias para esclarecimentos da figura deverão ser acrescidas, como, por exemplo, unidades de medida, símbolos, escalas, abreviaturas e fontes. Observe que não deve haver título na parte superior da figura.

    • Ao citar figuras no corpo do texto, escreva apenas o número referente à figura, sem o ponto final. Por exemplo: Figura 1, Figura 2, etc. Nunca escreva ‘figura abaixo’, figura acima’, ou ainda, ‘figura da página XX’, pois a numeração das páginas do artigo pode ser alterada durante a formatação.

    • Fotografias, imagens de tomografia computadorizada, raio-x, etc. devem ser salvas com resolução mínima de 300 dpi.

    • Figuras que combinem fotografias com artes gráficas, bem como figuras em escala de cinza devem ser salvas com resolução mínima de 600-900 dpi.

    • Imagens em cores devem ser escaneadas em modo CMYK (cyan, magenta, yellow, black). Não submeta figuras escaneadas em modo RGB (red, green, blue). Submeta figuras em cores apenas se as cores forem imprescindíveis.

    • Letras, símbolos e números devem ser editados em fontes de 8 a 12 em estilo Arial ou Arial Black.

    • Editar (cortar) qualquer espaço branco ou preto desnecessário ao redor da imagem principal.

    • As Figuras devem ser enviadas no formato final, com tamanho, recortes e orientação (rotação) em que devem ser inseridas na versão final do artigo.


  2. Instruções para edição de tabelas:


    • As tabelas devem ser editadas em espaçamento duplo.

    • O título da tabela precisa ser breve, claro e explicativo. Deve ser colocado acima da tabela, no canto superior esquerdo, e logo após a palavra Tabela (a qual deve estar em negrito e itálico, com a inicial maiúscula, acompanhada do número que a designa e um ponto final). As tabelas são apresentadas com números arábicos, de forma sequencial e dentro do texto como um todo. Ex.: Tabela 1.; Tabela 2.; etc.

    • Cada tabela deve ser acompanhada de uma legenda. As notas explanatórias devem ser posicionadas no rodapé da tabela.

    • Ao citar tabelas no corpo do texto, escrever apenas o número referente a tabelas, sem o ponto final. Por exemplo: Tabela 1; Tabela 2, etc. Nunca escreva ‘tabela abaixo’, ‘tabela acima’ ou ainda, ‘tabela da página XX’, pois a numeração das páginas do manuscrito pode ser alterada durante a formatação.

    • As tabelas devem conter as médias e unidades de variância (DP, EP, etc). Não devem ser utilizadas casas decimais insignificantes.

    • As abreviações utilizadas nas tabelas devem ser consistentes com aquelas utilizadas ao longo do texto e nas figuras.




  • Comitê de Ética


A Revista Psicologia e Saúde em Debate requer que todos os procedimentos de pesquisa com seres humanos sejam avaliados por um Comitê de Ética ou órgão similar dentro dos termos das Resoluções nº 466/2012 do Conselho Nacional de Saúde. Nestes casos os autores deverão encaminhar como "documento suplementar” o parecer de Comitê de Ética reconhecido ou declaração de que os procedimentos empregados na pesquisa estão de acordo com os princípios éticos norteadores das resoluções. Estudos que envolvam experimentos com animais devem conter uma declaração na seção "Método", assegurando que os experimentos foram realizados em conformidade com a regulamentação sobre o assunto adotada no país.



  • Citações


O método empregado pelas Normas APA é autor-data, isto é, o sobrenome do autor e o ano de publicação. O texto deve ser documentado citando o autor e a data de publicação dos trabalhos pesquisados e consultados. Todos os autores citados no texto, e apenas eles, devem estar presentes nas referências com as informações completas. Este procedimento é obrigatório.



  • Referências


A Revista Psicologia e Saúde em Debate adota o estilo APA (American Planning Association) para citações e referências bibliográficas. As referências devem ser listadas (em espaçamento duplo) em ordem alfabética. Sempre que possível, deve apresentar o DOI do artigo em questão.


1 Livro:


Pozo, J. (1999). Aprendizes e mestres: a nova cultura de da aprendizagem. Porto Alegre: Artmed.


 2 Capítulo de livro (Editado):


Tanguy, L. (1997). Competências e integração social na empresa. In F. Ropé & L. Tanguy (Orgs.). Saberes e competências: o uso de tais noções na escola e na empresa. Campinas, SP: Papirus.                    


3 Obra traduzida: Yin, R. K. (2001). Estudo de caso: planejamento e métodos (2a ed.). (D. Grassi, Trad.). Porto Alegre: Bookman. (Obra original publicada em 1984). 


4 Periódicos científicos, revistas e boletins:


Silva, N., & Soares Melo, H. (2015, abril 11). A INTERVENÇÃO DA TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL NO ADOECIMENTO DECORRENTE DA INSÔNIA. Psicologia E Saúde Em Debate1(1), 39-52. https://doi.org/10.22289/2446-922X.V1N1A2


 5 Artigo de revista:


Schwartz, J. (1993). Obesity affects economic, social status. The Washington Post, pp A1, A4.


 6 Documentos eletrônicos:


Gambetta, D. (2000). Can we trust trust? In D. Gambetta (Ed.). Trust: making and breaking cooperative relations (Chap. 13, pp. 213-237). Oxford: Department of Sociology, University of Oxford. Retrieved May 01, 2003, from http://www.sociology.ox.ac.uk/papers/gambetta213-237.pdf


 7 Relatórios técnicos e de pesquisa (muitas vezes com autores corporativos)


Hershey Foods Corporation. (2001, March 15). 2001 Annual Report. Retrieved from http://www.hersheysannualreport.com/2000/index.htm


 8 Comentários de livros:


Dent-Read, C., & Zukow-Goldring, P. (2001). Is modeling knowing? [Review of the book Models of cognitive development, by K. Richardson]. American Journal of Psychology, 114, 126-133.


 9 Conjuntos de dados:


Simmons Market Research Bureau. (2000). Simmons national consumer survey [Data file]. New York, NY: Author.


 DICA: Para garantir que suas referências estejam nas normas APA, utilize os sites de auxilio abaixo:


http://www.anpad.org.br/rac/rac_guia_apa.pdf


http://blog.apastyle.org/apastyle/


GERADOR DE REFERÊNCIA APA:


https://www.ukessays.com/referencing/apa/generator/


 


O sistema de medidas básico a ser utilizado na Revista Psicologia e Saúde em Debate deverá ser o "Sistema Internacional de Medidas” (ou SI abreviado do Francês: Le Système International d'Unités). Como regra geral, só deverão ser utilizadas abreviaturas e símbolos padronizados. Se abreviações não padronizadas forem utilizadas, recomenda-se a definição das mesmas no momento da primeira aparição no texto.


 



  • Formatação


O arquivo da submissão deve estar em formato Microsoft Word (doc ou docx), OpenOffice ou RTF.


O texto deve conter entre 12 (mínimo) e 40 (máximo) páginas (configuradas em A-4: 210mm de largura por 297mm de comprimento), digitado em espaço duplo, com estilo Arial (fonte 12). As páginas podem ter linhas numeradas, reiniciando a contagem a cada página (opcional). Todas as páginas devem estar com as bordas configuradas em Superior e Inferior =2,5 cm, Esquerda =3,00 cm, Direita =2,5 cm. Observar o limite de páginas de cada seção acima.


Qualquer irregularidade do manuscrito que contrarie as normas acima, podem resultar na devolução do mesmo para correção ou mesmo a recusa da publicação do mesmo nesse periódico.



  • DOI


A partir de Agosto de 2016, todos os artigos aceitos para publicação pela Psicologia e Saúde em Debate terão a atribuição de um DOI. A revista passa então a cobrar uma taxa referente à editoração e atribuição do DOI e assim os autores deverão realizar um depósito identificado no valor de R$30,00 na conta abaixo, anexando o comprovante à submissão. É cabível aos autores realizar o depósito da taxa junto com a submissão do artigo para avaliação, porém isso não implica em compromisso de publicação e nem na devolução do valor depositado caso o mesmo não seja aceito. Desta forma aconselhamos que o depósito seja feito apenas mediante a aprovação da submissão.


Beneficiário: Gilmar Antoniassi Junior
Banco: Caixa Econômica Federal
Agência: 0142
Operação: 013
Conta/Poupança: 17101-2


 5 Conflito de Interesse


A confiabilidade pública no processo de revisão por pares e a credibilidade de artigos publicados dependem em parte de como os conflitos de interesses são administrados durante a redação, revisão por pares e tomada de decisões pelos editores.


Conflitos de interesses podem surgir quando autores, revisores ou editores possuem interesses que, aparentes ou não, podem influenciar a elaboração ou avaliação de manuscritos. O conflito de interesses pode ser de natureza pessoal, comercial, política, acadêmica ou financeira.


Os autores, ao submeterem seu manuscrito para a Revista Psicologia e Saúde em Debate declaram que deixaram claro quaisquer conflitos de interesses e financeiros que existam em relação ao conteúdo deste documento.